terça-feira, 20 de março de 2012

Arrufos..




 - Ei, tu aí,  acorda preguiçoso...
 - Humpf, tu de novo? Oh criaturinha chata tu hã?
 - Estás a ouvi-la cair lá fora?
 - Quem? O que é que estás para aí a dizer?
 - Não ouves? É  a chuva!!!  A que cai devagarinho... Gotinha a gotinha a bater na fresta da janela, a dar sinal de vida. Escuta com atenção... Espera, está a cair com mais força. Anda, vem daí!
 - Estás parva? Vou aonde a esta hora? Está frio, é tarde, ainda te constipas, e lá tenho eu de te aturar queixosa e febril.
 - A mim? Desde quando?!?!  Nem que reencarnasses milénios a fio me ouvirias a resmungar como tu, Ser neutro e sem fulgor. Deixa de ser pãozinho sem sal e despe a batina de menino bem comportado, és mesmo Anjinho...
 - Mau... Pára sossegada  , encolhe lá as asinhas e deixa-me dormir! Dás-me cabo da paciência miúda!
 - Olha, fica para aí feito peluche que eu vou mas é curtir a sinfonia que a noite e ela criam, está bem?
 - Estou feito contigo!!! Ao menos calça-te, e leva agasalho.
 - Como?!? Não me faças blasfemar a esta hora criaturinha branca! Nem eu enclausurada aguento... E já me torras a paciência com tanto blá blá blá.Não me conheces já?? Guarda as pantufas e vestes para ti, que eu vou é dançar à chuva descalça e sentir a água escorrer pela cara, e sem roupa anjo puritano! Sabes o quão bom  é chapinhar nas poças? Pular sobre elas,  criar "splashs" e risadas de cansar a  tua Eternidade? Sentir o elíxir da vida invadir-nos com aquele arrepio tão único, soltar aquele sorriso qual criança que se suja e brinca na lama a perder horas de vista?
 - Não, realmente não, não fui talhado para isso...
 - Pois não, foste talhado para ser responsável, ponderado, atento e cuidadoso. Eu não! Fui feita para me sujar, brincar, atentar, espicaçar, saltar, dançar, viver!
 - Mas eu protejo-te a cada vez que dás um passo em falso, numa esquina ou berma sinuosa, sou eu que estou lá e que te salvo do abismo, aquele que nem tu sabes quão fundo e penoso é, lembras-te?
 - Oh, mas és enfadonho... Tiras-me o gozo, envolves-me em cobertores tão acolhedores e felpudos que me sufocam! Esqueçes-te que sou eu que te faço rir, brincar, sentir as asinhas vibrar, corar, levar por entre caminhos que nem ao meu Criador deixariam indiferentes perante tanta audácia e arrojo,  e  lembrar que vivemos no mundo dos Humanos? O Céu está lá em cima, não cá em baixo..
 - Mas também sabes que se fosse como tu querias, seria o caos, o Inferno... Sabes que nunca seremos iguais!!!
 - Totózinho... Quem disse que precisamos de ser? TU no teu lado, EU no meu, cada um com a sua vertente, somos complemento, as duas faces da mesma moeda, Homem e Mulher, os dois lados da ampulheta, dois pesos na balança da vida. Agora deixa-te de merdas, tira as sandálias e vem chapinhar comigo! Dança, ri, solta-te, qual menino perdido e embebido em chuva de Vida que cai pelas mãos do teu Criador... Aposto que hoje vai fechar os olhos ao teu passo incauto e desprovido de regras e designíos Divinos.
 -E tu? Rejubilas com o meu fraquejar...
 - Não Anjinho... Dou-te a mão e contigo na chuva vou dançar, e aproveitar o que de melhor a nossa parceria tem, a cumplicidade, mesmo que por frações de segundos. Larga de ser cumpridor e tão menino de côro, olha se te puxasse para coisas que te deixariam a cobrir os olhos com as asinhas tão purinhas que tens, aí sim, seria um caso sério e terias muitas explicações a dar, ao passo que eu... estaria no meu patamar. Mas como até tenho uma costelazinha vinda lá de cima, ou não tivesse eu caído aqui de pára-quedas, até te alivio os pecados um pouco e com um sorriso te convido a vir comigo neste mar que cai do Teu Céu. Agora anda daí... anda!!!
 - És tramada Diabinha...
 - Cala-te e aprecia o momento, o castigo logo sofremos depois,  juntos!  Não temos outro remédio mesmo... Somos a consciência!

 -  Humpf... :P

6 comentários:

Stargazer disse...

:)

Simplesmente...

beijo com gosto a arrufada (cheia de coco)

foxos disse...

Fico para o castigo :p

Gadreel disse...

nem comento...um ser de duas cores como eu...adiante...


beijo

Libertya... disse...

Star,

:)

Beijo com sabor mais a D.Rodrigo, simplesmente... viciante!

Libertya... disse...

Foxos,

Dá-me a mão Anjo, vamos dançar à chuva! :P

Libertya... disse...

Gadreel,

Entendemo-nos tão bem... Não é? ;)

Beijo